Logo

Santa Helena: PF na cola do prefeito Lobato.

A
Polícia Federal não tem dado descanso a políticos corruptos em todo o Brasil.
No Maranhão, operações que ainda estão em andamento prometem desbancar vários
prefeitos e donos de empresas fantasmas. A PF ainda não revelou quais prefeitos
e empresários estão sendo investigados, mas seria impossível Santa Helena não
estar envolvida em meio a casos de corrupção.
As empresas J. Kilder Construções e F. J. Aragão Costa (a
primeira foi responsável por várias obras na administração inacabadas do
prefeito Lobato), são dois exemplos de casos de empreiteiras usadas para
desperdiçar dinheiro público no Maranhão. Levantamento feito pelo BLOG mostra
casos de obras tocadas tanto pela J.Kilder quanto pela F. Aragão que nunca
ficam prontas. Encontramos construções que deveriam servir à população, mas
estão abandonadas há anos. O desperdício de recursos públicos também existe em
outros serviços, como no caso da locação de veículo, mesmo para aqueles
municípios que possuem frotas próprias, mas por não estarem sendo usadas, acabam
virando sucatas.

O
representante das empresas é Francisco Jesselino Aragão Costa. De acordo com
informações obtidas pelo blog, utilizando apenas uma das empreiteiras – a
J. Kilder Construções e Serviços Ltda – o empresário Jesselino Aragão já
faturou mais de R$ 10 milhões de reais, através de contratos com as prefeituras
de Cantanhede, Primeira Cruz, Turilândia, Santa Rita, Morros, Palmeirândia,
Santo Amaro, Santa Helena, Santa Luzia, dentre outras prefeituras do interior.

Em Santa Helena, a empresa de Jesselino fatura alto até os dias
de hoje, mas nunca terminou as obras pelas quais foi contratada para executar.
Mesmo assim, a empresa continua faturando alto na prefeitura de Santa Helena.
Veja abaixo as publicações do Diário Oficial referentes aos contratos entre
Lobato e Jesselino:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!