Logo
  • Sebrae oficializa projeto para piscicultura na Baixada

    Representantes do Sebrae e das instituições
    parceiras durante solenidade de oficialização do projeto de desenvolvimento da
    piscicultura na Baixada.
     
    O Sebrae e diversos parceiros assinaram, na última quarta-feira (25), o termo de acordo para oficialização do projeto que vai desenvolver e dinamizar o mercado da piscicultura nos municípios de Pinheiro, Bequimão, Santa Helena e São Bento através da aplicação de tecnologias de produção e ampliação dos canais de comercialização, gerando renda e melhoria na qualidade de vida na Baixada Ocidental Maranhense.
    A solenidade de assinatura aconteceu no auditório do Sebrae em Pinheiro,
    contando com representantes de entidades do segmento e parceiros da
    instituição, como a Associação de Piscicultores de Pinheiro, a Associação de
    Piscicultores e Pescadores Artesanais de Bequimão, a Cooperativa de
    Piscicultores e Pescadores Artesanais da Baixada Maranhense, representantes da
    Agência Estadual de Pesquisa e Extensão Rural (Agerp-MA) de Pinheiro e
    Bequimão, Prefeitura Municipal de Bequimão, Banco do Nordeste, Banco do Brasil
    e Banco da Amazônia.
    O analista do Sebrae responsável pelo projeto, o gestor Raimundo Júnior,
    fez a apresentação das atividades a serem implementadas junto aos piscicultores como: inovação e desenvolvimento tecnológico da piscicultura, ampliação dos canais de comercialização e
    regularização ambiental dos empreendimentos e destacou
    a necessidade de consolidação das parcerias. “A participação efetiva dos
    parceiros institucionais do projeto que o Sebrae propõe para a região e ainda o
    engajamento dos empreendedores do segmento contribuirão significativamente para
    o sucesso das ações previstas”
    A
    gerente da regional do Sebrae em Pinheiro, Rosa Amélia Borges, agradeceu a
    confiança dos parceiros e participantes do projeto. “É muito bom estar com
    todos os presentes, principalmente para a realização dessa etapa do projeto que
    visa formalizar o compromisso público entre o Sebrae, as entidades de classe e
    as instituições parceiras. Com este projeto e esta parceria ganham os piscicultores,
    os parceiros, os municípios e a economia regional”, ressaltou Rosa.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!