Logo
  • Secretário Municipal de Educação de Cajapió negocia com a Gerência de Educação do Estado a municipalização da Escola José Caetano Vaz.

    A escola José Caetano Vaz é a escola de maior referência educacional do município de Cajapió, e está fechada há três anos para matrículas, dado o total desinteresse dos gestores anteriores em assumirem a responsabilidade da tradicional família escolar Caetano Vaz

    A escola tem raízes fortes na cultura do município, e praticamente toda a população da cidade cursou o antigo ensino fundamental menor (1ª a 4ª série) nessa escola.

    O prefeito do município, logo ao assumir a prefeitura, conferiu total liberdade ao secretário para empreender esforços no sentido de municipalizar a escola, dada a importância histórica da instituição para a população da cidade.

    Num encontro entre a gestora da URE (Unidade Regional de Educação de Viana), responsável por gerenciar o sistema estadual de ensino da baixada, a professora Andreia sinalizou para o processo de municipalização.

    A primeira reunião rendeu imediato interesse do estado, na direção pretendida pelo município de Cajapió. O secretário de educação Mosart Soares, apresentou proposta audaciosa à gestora; falou que os alunos da turma piloto da escola, primeira gestão-município, vão receber um computador por aluno. Bem como usarão os consagrados uniformes, que eram a marca da escola.

    O processo burocrático é demorado, e exige contínuo empenho e acompanhamento. Mas a secretaria de educação já pretende abrir a escola neste ano.

    — O secretário, que também estudou na escola em sua infância, afirmou que para ele, o projeto: “O Caetano Vaz é nosso,” é uma luta pessoal”

    O estado primeiramente pretendia ceder, mas não doar imediatamente o prédio da escola, porém numa reunião que deverá acontecer no dia 27 deste mês, no Palácio Henrique de Lá roque, o prefeito do município e o secretário, insistirão no sentido de total recebimento da escola, porem não abrem mão da contínua colaboração do governo do estado para com a escola.

    A professora Andreia, gestora da URE, elogiou o empenho da secretaria.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!