Logo
  • Vereador Enezio Vitorino (PDT) se defende de acusação, e defende nova frente política para pinheiro já em 2014.

    O vereador Jadilson
    Jarbas (Gaguinho DEM), acusou o vereador Enezio Vitorino, (PDT) de ser o homem,
    que atrapalha o processo político da oposição na cidade de Pinheiro.
    Segundo afirma o vereador
    Gaguinho, quando se aproxima o período eleitoral, Nezio, sempre apresenta um
    novo nome, confundido o eleitorado oposicionista da cidade. 
    Gaguinho faz referência à
    candidatura do médico Leonaldson Castro “Dr. Léo”. Em 2008 Nezio, integrou a “Frente
    de Libertação de Pinheiro” encabeçada pelo médico, que obtendo quase 8 mil
    votos. Na época, Zé Arlindo, mesmo com o apoio do Prefeito  Filuca Mendes, era o mais rejeitado dentre os
    candidatos. O resultado Final mostrou que a junção dos votos de Luciano Genésio
    e Dr. Léo ultrapassaria a votação do rejeitado Zé Arlindo. 
     
    Aproximando-se as
    eleições de 2014, e mais uma vez, Nezio tenta viabilizar um novo nome para o
    pleito que se aproxima.
    Gaguinho destacou também,
    o “bambambã” da BAND de Pinheiro. O mais novo invendável oposicionista Lucas do
    Beiradão (PDT). Considerado por gaguinho, um traidor que não reconheceu os
    favores recebidos pelo ex-prefeito Zé Arlindo, e logo depois que consegui o
    mandato, correu para os braços dos Genésios. 
    Afirmou gaguinho, que o
    vereador Lucas faz oposição até a oposição, a pedido dos Genesios, e destacou o
    projeto do Vereador Leonardo Sá, que concedeu titulo de cidadão Pinheirense,
    para o Pré-candidato ao governo do estado, Flavio Dino. Depois de uma ligação telefônica
    provavelmente dos genesios o vereador Lucas, abandonou a sessão rejeitando o
    projeto. 

    O vereador Enezio
    Vitorino, se defende as acusações, e afirma que sempre buscou novas alternativas
    para política de Pinheiro. E sempre apoiou o que seria melhor para cidade. 
    Nezio afirma que defende
    uma nova frente política para pinheiro, sem a presença de raízes políticas dos
    dois grupos que há anos disputam o poder na cidade.  
    Em 2014 Nézio fará parte
    do seleto grupo que apoiará a candidatura do Dr. Leonardo Sá, a deputado
    federal pela baixada e do comunista Flavio Dino, para governo do estado. A nova
    frente política de pinheiro, já começou a ser formada, e ganhará força a partir
    das eleições de 2014, afirma o vereador.
    O vereador Nézio, rebateu
    acusações feitas, nos bastidores, por um vereador do mesmo partido (PDT),
    afirmando que o vereador, está na câmara, a serviço do executivo municipal.
    Nezio afirma que sempre fez oposição séria na cidade de Pinheiro, e nível de
    estado, e sempre fará. 
    Disse o vereador, que
    acha duvidoso, um vereador que se diz ferrenho, opositor do executivo
    municipal, e do grupo Sarney, declarar apoio a um candidato, da base aliada de
    Roseana Sarney. Nezio afirma que a postura de tal político, é muito duvidosa.

    Vereador Lucas do Beiradão (PDT) ao lado do Deputado Federal Alberto Filho (PMDB)
    O clima eleitoral já toma
    conta do meio político de Pinheiro, e desde já iniciam as trocas de “farpas”. A
    coisa promete esquentar depois que os edis pinheirenses voltarem do
    recesso. 

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!