Logo
  • Excesso de festas em Pinheiro, e clima de insegurança foram temas da sessaõ desta terça.

    Os vereadores Leonardo Sá (PDT), Oziel
    Menezes (PSD) e Sival Souza (PMDB), criticaram, a ausência da PM em eventos nos
    fins de semana, liberações de licenças para festas e desatacaram a crescente
    da onda de roubos , furtos e assassinatos. 

    Vereadores da câmara
    municipal de Pinheiro usaram a tribuna da casa na sessão da manhã desta segunda
    (15), para chamar a atenção das autoridades, para o excesso de festas aos fins
    de semana por toda a cidade.
    O vereador Leonardo Sá
    (PDT), destacou que o clima de insegurança tomou conta da população pinheirense,
    e que as pessoas de bem da cidade, deixaram de frequentar locais tradicionais à
    noite, com medo da onda de violência que assola o município de Pinheiro.
    Leonardo criticou o excesso de liberações de licenças para festas na cidade de
    pinheiro, o vereador classificou como um temendo absurdo, e irresponsabilidade
    o acontecimento de dezenas de festas nos fins de semana em pinheiro, sendo que
    a policia não faz a segurança nos locais dos eventos. “Se a policia não tem condições de
    dar assistência em todas as festas que libera a licença, que deixe de liberar
    licenças para mesmas”,
    finalizou o vereador.
    Segundo o vereador Oziel
    Menezes (PSB), a violência tomou conta da cidade, e a cada dia aumenta o índice de
    roubos, furtos e assassinatos. O vereador exigiu uma ação rápida e eficaz por
    parte das autoridades, em combate a criminalidade em pinheiro. “Eu
    confio na capacidade do comandante Ramos do 10º BPM, que vem fazendo um bom
    trabalho em combate as ações de criminosos na cidade de pinheiro, e peço que dê
    uma resposta imediata as pessoas de bem desta cidade que estão aterrorizadas
    com a onda de violência e falta de segurança em pinheiro, e coloque essa

    quadrilha o mais breve possível atrás das grades”, concluiu Oziel. 
    O vereador, Sinval Souza (PMDB,
    destacou os acontecimentos quaticos tradicionais que acontecem em pinheiro, nos
    dias que antecedem a semana santa, e destacou a morte por afogamento do Jovem
    Anderson de 18 anos no balneário de vitória dos 
    bragas, na tarde do ultimo domingo.
    O vereador Sinval, pediu
    mais segurança nesse tipo de evento, e solicitou apoio a todos os edis da casa
    na aprovação de uma lei, que capacite guardas municiais, oferecendo
    treinamentos adequados para aturem na segurança desse tipo de eventos.

    Criticou ainda o vereador,
    a ausência da PM em festas no município, e destacou o evento que aconteceu no
    ultimo fim de semana, na ponte José Sarney, que dificultou o trânsito, colocou
    em risco a vida de centenas de pessoas

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!